Tenista Brasileiro Diego Matos é Punido por Manipulação de Resultados
Foto: Facebook

Diego Matos, tenista brasileiro, foi condenado devido a manipulação dos resultados de diversos jogos. A informação foi divulgada recentemente pela Unidade de Integridade do Tênis (Tennis Integrity Union – TIU em inglês). A punição imposta foi definitiva, uma vez que ele foi banido de modo permanente do esporte.

Além do banimento, Diego Matos também terá de arcar com o pagamento de uma multa de aproximadamente 125 mil dólares (em torno de 510 mil reais na cotação atual). E não para por ai! Afinal, o tenista brasileiro deverá devolver mais 12 mil dólares (cerca de 50 mil reais) embolsados como prêmios dos jogos sob investigação.

Descoberta do caso Diego Matos

Vale salientar que a descoberta da manipulação de resultados cometida pelo tenista foi do auditor independente anti-corrupção, o professor Richard H McLaren. Durante o processo de apuração, o auditor verificou que o atleta atuou em conjunto com organizações a fim de influenciar o resultado de dez jogos no ano de 2010.

As partidas foram realizadas Brasil, Sri Lanka, Equador, Portugal e Espanha. No entanto, o banimento não foi o primeiro desdobramento do caso. Isso porque o tenista já estava afastado das quadras desde o dia 6 de dezembro do ano passado em função de uma suspensão de caráter provisório.

Publicidade

Desde então, o Tiu passou a cobrar o tenista brasileiro de 31 anos para prestar todos os esclarecimentos cabíveis a situação. No entanto, o esportista não colaborou com a apuração do comitê nos últimos anos e se recusou a repassar as informações telefônicas ou movimentações bancarias. Não cabe mais recurso a decisão.

Carreira do tenista brasileiro

Neste momento, o gaúcho Diego Matos está na 373ª colocação do ranking de duplas da ATP. A melhor fase do esportista ocorreu quando ele alcançou o 241º lugar no ranking em dezembro de 2018. Já no ranking de simples, ele conseguiu chegar ao número 580 em abril de 2012.