Meta Games Consegue Financiamento Para Desenvolvimento De Jogos

A Meta Games, criadora de jogos para celular com tema de e-sports, anunciou que levantou US$ 2 milhões em financiamento inicial, liderado pela BITKRAFT Esports Ventures com a participação da Everblue Management, Crest Capital e Klaas Kersting, entre outros.

O novo financiamento será usado para concluir o desenvolvimento de jogos no próximo jogo para celular da Meta Games, RIVALS, um jogo de gerenciamento baseado no esports MOBA, e para começar o desenvolvimento de futuros jogos móveis para os fãs de esports.

Desenvolvido com a participação de equipes profissionais, o RIVALS Esports Manager oferece aos jogadores a oportunidade de assistir seu próprio time competir para alcançar o auge da glória do esports.

Como um dos mais ambiciosos jogos de gerente de esports no celular, os jogadores podem gerenciar seu próprio time de profissionais de esports, competir em ligas de PvP, trocar jogadores em sua lista e criar um legado.

Usando a simulação em tempo real para criar uma experiência de destaque de um jogo MOBA, os jogadores podem mudar a maré com adaptações táticas de última hora. As integrações futuras incluirão a capacidade de interagir com equipes e marcas profissionais favoritas para adquirir as melhores ofertas de patrocínio e ter experiências de esports verdadeiramente autênticas que espelham os cenários da vida real.

Novos lançamentos das Meta Games

Expandindo seu escopo para corresponder à variedade de gêneros representados no espectro dos esports, os futuros produtos da Meta Games procuram oferecer itens dedicados específicos que atendem ao público além de apenas MOBAs ou FPSs. Ao criar um portfólio de jogos para celular com tema de e-sports, a META Games possibilita que os fãs se envolvam com o esporte e o gênero específicos pelos quais são mais apaixonados.

“Acreditamos que os fãs de eSports merecem experiências de jogo autênticas e complementares que refletem o que assistem todos os dias. Ao fornecer aos jogadores a capacidade de gerenciar um time profissional, eles são capazes de obter uma visão dos bastidores de como alguns de seus times favoritos operam no caminho para o sucesso”, disse Roman Frank, CEO e fundador da Meta Games.