Conor-McGregor-ataca-adversarios-do-UFC-em-transmissao-ao-vivo-na-Duelbits
Foto: Reprodução/ Instagram @thenotoriousmma

O lutador Conor McGregor intensificou sua presença na Duelbits, plataforma de jogos de mesa, ao realizar uma transmissão ao vivo, onde não apenas mostrou suas habilidades no jogo, mas também direcionou críticas afiadas a seus rivais no UFC.

A parceria entre McGregor e a Duelbits atingiu novos patamares, com o lutador irlandês hospedando um torneio exclusivo na plataforma.

Torneio exclusivo na Duelbits

Com um prêmio de US$ 150.000 em jogo, os participantes que apostassem US$ 100 ou mais tinham a chance de ganhar prêmios em dinheiro e brindes especiais.

Durante a transmissão, McGregor não poupou palavras ao mirar em nomes proeminentes do UFC, incluindo Kamaru Usman e Ilia Topuria, enquanto também criticava Leon Edwards por suas decisões em lutas anteriores.

O ex-campeão dos pesos-leves e penas não deixou de provocar Khabib Nurmagomedov, seu antigo rival, prevendo um possível retorno do lutador russo ao esporte em breve.

Apesar das provocações, McGregor teceu elogios a Sean O’Malley, atual campeão dos pesos-galos, mas fez questão de afirmar sua confiança em derrotá-lo caso se enfrentem.

A Duelbits tem uma longa história de parceria com lutadores. Entre esses lutadores estão nomes como Dillion Danis e Chris Eubank Jr. Essas colaborações têm proporcionado uma ampla exposição à marca em eventos de luta.

De volta ao octógono do UFC

A parceria com McGregor é particularmente significativa devido à enorme base de fãs do lutador. Além disso, ele se prepara para retornar ao octógono em 29 de junho. Ele enfrentará Michael Chandler durante a International Fight Week em Las Vegas.

Conor McGregor não participa de uma luta desde 10 de julho de 2021, quando fraturou a perna durante o UFC 264 contra Dustin Poirier. No ano passado, ele desempenhou o papel de um dos técnicos do The Ultimate Fighter 31, onde enfrentou Michael Chandler.

Desde então, a expectativa por um confronto entre os treinadores tem crescido, especialmente após a temporada que ocorreu entre maio e agosto de 2023.

McGregor registra apenas uma vitória no UFC desde 2016, tendo lutado quatro vezes, sem mencionar seu notável embate de boxe em 2017 contra Floyd Mayweather. Ele ficou conhecido como o primeiro lutador do Ultimate a conquistar simultaneamente dois títulos em categorias diferentes (pena e peso leve).

Por outro lado, Chandler é tricampeão dos leves, mas não entra no octógono desde novembro de 2022, quando foi nocauteado por Poirier.

Nos últimos meses, McGregor expressou seu desejo de retornar ao octógono. No entanto, diversos fatores, incluindo a recuperação da lesão e questões com a agência antidoping dos EUA, têm atrasado o aguardado confronto.