Japones-recebe-US-360-mil-por-engano-e-gasta-em-cassinos-online.jpg

Um japonês prometeu devolver US$ 360 mil referentes a benefícios sociais concedidos pela covid-19 recebido por engano, após gastar todo o dinheiro em cassinos online. O homem irá devolver o dinheiro “pouco a pouco” – declarou seu advogado à imprensa nesta quarta-feira (18).

O homem, originário do município de Abu (Oeste), disse: “Sinto muito ter gastado tudo”; seu advogado afirma ainda que o cliente perdeu todo dinheiro jogado.

A quantia de 46,3 milhões de ienes (US$ 360 mil) foi transferida para uma única família, após confusão entre as autoridades locais que planejavam um programa de benefício para 463 famílias de baixa renda afetadas pela pandemia.

Num primeiro momento o receptor da quantia total, que teria 24 anos, não havia sido identificado, mas no dia 11 de maio, o município decidiu anunciar uma ação contra ele por conta da recusa em devolver todo o dinheiro, que já havia sido gasto em cassinos online.

Após isso, a pessoa em questão decidiu “devolver o dinheiro, embora vá ter de fazer isso pouco a pouco”, como disse seu advogado, citando seu cliente.

O prefeito de Abu, Norihiko Hanada, disse à imprensa que estava “sinceramente feliz” com a mudança de postura da parte interessada, mas que não vai recuar da ação na Justiça. “Espero que diga a verdade no tribunal”, completou.

Americano perde R$ 7,7 milhões com aposta em cavalo

O tradicional apostador Jim McIngvale, mais conhecido como Mattress Mack, sofreu um revés considerável recentemente. Isso porque ele perdeu aproximadamente 7,7 milhões de reais em uma aposta depois de o cavalo Epicenter, o seu favorito, ser vencido.

De acordo com informações da Istoé, ele sofreu esse prejuízo devido ao desempenho fenomenal do cavalo Rich Strike, cuja vitória pagaria 80 vezes mais cada dólar apostado. Essa situação aconteceu em uma corrida realizada em Kentucky Derby, na cidade norte-americana de Louisville.

McIngvale é o proprietário de uma loja de móveis em Houston, no Texas. Para ele, apostar em corridas de cavalo é uma questão de tradição familiar. Por isso, não pensa em parar de tentar a sorte no turfe.

No entanto, essa não foi a primeira derrota sofrida pelo apostador. No último ano, ele registrou um prejuízo de cerca de 12 milhões de reais ao colocar o seu dinheiro em um cavalo na corrida de Kentucky.