Sportradar-confirma-IPO-e-intencoes-de-listagem-no-NASDAQ.

A Sportradar protocolou uma declaração de registro no Formulário F-1 junto à Securities and Exchange Commission (SEC) relacionada a uma Oferta Pública Inicial (IPO) de suas ações ordinárias, com a intenção de se listar no Mercado Global NASDAQ sob o símbolo SRAD.

A empresa de tecnologia de dados esportivos apresentou à SEC uma declaração relativa à proposta de venda de seus títulos, mas esta ainda não se tornou efetiva e o número de ações a serem oferecidas e a faixa de preço para a oferta ainda não foram determinados.

Os títulos da Sportradar não poderão ser vendidos antes do momento em que esta declaração de registro entrar em vigor – e a empresa também não poderá aceitar qualquer oferta de compra durante este período de tempo.

Além disso, qualquer venda de títulos em um estado ou jurisdição em que as ofertas, solicitações ou vendas sejam ilegais antes que a Sportradar complete seu registro ou qualificação NASDAQ sob as leis de títulos de tais jurisdições, também é proibida.

Os apoios à Sportradar

A empresa sediada na Suíça recebeu o apoio do J.P. Morgan, Morgan Stanley, Citigroup e UBS Investment Bank, que atuarão como gerentes principais para a oferta proposta, enquanto BofA Securities, Deutsche Bank Securities, Jefferies e Canaccord Genuity atuarão como gerentes.

Enquanto isso, a IPO também será atendida pela Needham & Company, Benchmark Company, Craig-Hallum, Siebert Williams Shank e Telsey Advisory Group, que funcionarão como co-gestores.

JP Morgan e Morgan Stanley são as únicas instituições financeiras envolvidas na abertura de capital autorizadas a distribuir cópias de um prospecto preliminar, através do qual a oferta será feita.

O anúncio de IPO se baseia em um ano forte para a Sportradar, que experimentou expansão global em vários mercados, em particular nos EUA, parcialmente alimentada pelo crescimento da indústria de apostas esportivas, à qual a firma presta serviços de dados business-to-business.

A empresa é atualmente sócia da National Basketball Association (NBA), National Hockey League (NHL), Major League Baseball (MLB), NASCAR e os Baltimore Ravens e New York Jets da National Football League (NFL) nos EUA, mantendo também parcerias com a FIFA e a UEFA.