Betsson-e-as-Mudanças-na-Suaposta
Imagem: Blog Suaposta

A empresa Betsson, uma das cinco principais companhias de jogo online no planeta, anunciou publicamente a aquisição de 75% da brasileira Suaposta. O negócio foi realizado no primeiro M&A do segmento de apostas esportivas no território nacional.

Desde o final de 2018, quando a MP autorizou os jogos de azar no Brasil, o processo regulatório foi iniciado pelo Ministério da Economia. A expectativa é que as regras sejam anunciadas no começo de 2020. Oportunizando, assim, a abertura do mercado oficialmente no território nacional.

Vale salientar que as apostas esportivas geram cerca de 20 bilhões de dólares (100 bilhões de reais) por ano a nível mundial e evoluem significativamente. Para o Brasil, a expectativa é de movimentar 6 bilhões de reais anualmente em um espaço de tempo de 5 anos, fazendo com que o mercado brasileiro se tornasse um dos expoentes mundialmente.

Negócio entre a Betsson e a Suaposta

A Suaposta surgiu como um braço da Codere há 3 anos. Desde então, os responsáveis estão tentando atrair grandes players para colocar dinheiro na empresa. A opção pela empresa sueca ocorreu pela priorização do mercado nacional em um plano de negócio a longo prazo.

O dinheiro da aquisição será direcionado para marketing e aprimoramento da plataforma, que necessita ser ajustada para receber novos esportes. Além disso, a tendência é que novos colaboradores sejam contratados.

O foco será no futebol, que corresponde a 90% do cenário de apostas esportivas no país. Só que o planejamento é abranger o serviço para modalidades, como tênis, UFC, volêi e basquete. Na atualidade, a Suaposta já chega a movimentar 25 milhões de reais apenas com as corridas de cavalo, enquanto o faturamento gira em torno de 7 milhões.

Com a adição de novas modalidades, a expectativa é dar um salto imenso e alcançar receita de meio bilhão de reais. A Betsson, por sua vez, surgiu ainda na década de 1960 e já está presente em oito países do continente europa nos dias de hoje.