MGM-Resorts-e-Seguradoras-Pagarão-US$-800-Milhões-para-Vítimas-de-Tiroteio-em-Las-Vegas

This post is also available in: English (Inglês)

A MGM Resorts International e as suas seguradoras oficializaram um acordo e vão pagar cerca de US$ 800 milhões (aproximadamente 4,5 bilhões de reais na cotação atual) aos parentes e vítimas do tiroteio em Las Vegas em 2017, cumprindo a determinação de um tribunal de Nevada.

A aprovação da indenização ocorre após uma série de ações judiciais relacionadas ao tiroteio na Strip de Las Vegas. Quando um atirador matou 58 pessoas e feriu mais de 850 em um festival ao ar livre, perto de Mandalay Bay, da MGM Resorts.

As investigações apontaram que o atirador disparou do 32º andar de Mandalay Bay. Na ocasião, aproximadamente 22 mil pessoas participavam do festival de música Route 91 Harvest.

Mais de 4.400 parentes e vítimas do tiroteio terão direito a receber parte do pagamento, com a MGM Resorts, que não reconheceu qualquer responsabilidade, pagando US$ 49 milhões (em torno de 275 milhões de reais) e o seu seguro custeando os US$ 751 milhões restantes (cerca de 4,2 bilhões de reais).

A aprovação da medida foi feita pela juíza Linda Bell no Tribunal Distrital do Condado de Clark, na véspera do terceiro aniversário do tiroteio, que ocorreu em 1º de outubro de 2017.

O juíza afirmou que o acordo foi “cuidadosamente negociado em condições de mercado durante meses com a assistência especializada de mediadores experientes” e “fornece um fundo muito substancial para a resolução de reivindicações de danos pessoais”.

Bell também mencionou que todo o seguro disponível da MGM foi direcionado para o acordo.

MGM Resorts se pronunciou oficialmente sobre o acordo

Um comunicado da MGM disse: “Estamos gratos que a decisão aproxime as famílias, as vítimas e a comunidade de um ‘encerramento’. É especialmente significativo que a decisão venha um dia antes do terceiro aniversário do ocorrido, um momento de grande tristeza e reflexão”.

This post is also available in: English (Inglês)