Alguns Cassinos nos EUA Fecharam Novamente Devido a Casos de Coronavírus

Alguns cassinos nos EUA fecharam novamente ou foram forçados a suspender as atividades por um período determinado. Segundo o relatório diário de Fantini, as propriedades ainda estão sendo afetadas pela pandemia do novo coronavírus a um nível que as operações necessitam interrompidas temporariamente.

Em Miami, o Churchill Downs’ Calder Casino, Hialeah Park, Casino Miami and Magic City voltaram a funcionar. A comunidade indiana do rio Gila chegou a fechar os seus três cassinos na área de Phoenix pela segunda vez, apesar de reabri-los pouco tempo depois.

Enquanto isso, em Michigan, dois funcionários do Legends Diner, no Soaring Eagle Casino, testaram positivo para o coronavírus. Enquanto o Rivers Casino, da Rush Street, em Pittsburgh, necessitou fechar por uma semana após um funcionário também dar positivo.

Por isso, o Mississippi passou a exigir que todos os visitantes do cassino usem uma máscara. Por causa disso, os cassinos serão forçados a fechar no estado de Nevada. Após o aviso do governador Steve Sisolak para que todas as empresas passem aplicar protocolos com a exigência de coberturas faciais obrigatórias.

Vale salientar que a Fantini fornece dados relacionados à indústria de jogos e belezas semana a semana.

Os efeitos do coronavírus nos Estados Unidos

Até o momento, o país já contabilizou cerca de 2,9 milhões de casos positivos com 132 mil falecimentos. Nas últimas 24 horas, os Estados Unidos registraram aproximadamente 43 mil novos casos. Já ao redor do mundo, a doença chegou a infectar 11,4 milhões de pessoas com 6 milhões de pacientes recuperados e em torno de 533 mil óbitos.

Na data referente a Independência dos Estados Unidos, 4 de julho, o presidente Donald Trump salientou que os avanços para conter e tratar a Covid-19 devem ser obtidos em breve. “Estou certo de que teremos tratamento e solução com vacina muito antes do fim do ano”, declarou o presidente norte-americano.