MGM Resorts compra LeoVegas
Imagem: Secom-MT / Divulgação

A MGM Resorts International anunciou que sua subsidiária, LeoVegas Group, concordou em adquirir as apostas esportivas e o cassino online do Tipico Group nos Estados Unidos.

A transação está sujeita às condições habituais de fechamento e espera-se que seja concluída até setembro de 2024.

LeoVegas adquirirá equipes de gestão e tecnologia

A MGM disse que a aquisição permitirá que a LeoVegas opere uma casa de apostas esportivas proprietária em todos os mercados e marcas internacionais. Com exceção, claro, daqueles exclusivos da joint venture BetMGM com a Entain.

Assim, a LeoVegas adquirirá algumas das equipes de gestão, tecnologia e negociação da Tipico nos Estados Unidos, Colômbia e Europa.

Gary Fritz, Presidente da MGM Resorts International Interactive, disse: “A aquisição da premiada plataforma americana da Tipico representa um marco significativo no desenvolvimento estratégico do negócio global de jogos digitais da MGM Resorts. Isso vai nos permitir operar uma plataforma própria de apostas esportivas.” 

“Essa aquisição nos dá o controle de todo o nosso ecossistema tecnológico, e estamos muito satisfeitos em trazer a equipe norte-americana da Tipico, com seu histórico de desenvolvimento de produtos de alta qualidade e recursos de preços, para o nosso negócio”.

O CEO da LeoVegas, Gustaf Hagman, acrescentou: “Ao controlar nossa própria tecnologia de apostas esportivas, garantimos que ofereceremos a melhor experiência de iGaming do mundo.

“Dessa forma, ao impulsionarmos nossas marcas fortes com um produto esportivo competitivo e inovador, poderemos crescer e fortalecer nossa oferta de apostas esportivas. Estou ansioso para dar as boas-vindas às talentosas equipes do negócio da Tipico nos EUA ao Grupo LeoVegas em breve”.

A MGM Resorts comprou a LeoVegas em setembro de 2022. Assim, o negócio aconteceu como parte da estratégia da gigante dos cassinos dos EUA para aumentar sua presença em jogos online em todo o mundo.

Portanto, em 2023, a LeoVegas chegou a um acordo para comprar o estúdio de jogos Push Gaming, sediado no Reino Unido.