Clubes da Espanha registram redução de 2 bilhões de euros em receitas na pandemia

Os times das duas principais divisões de futebol da Espanha tiveram prejuízo de cerca de 2 bilhões de euros nas receitas nas temporadas 2019 / 2020 e 2020 / 2021, segundo um estudo apresentado pela empresa de consultoria PricewaterhouseCoopers (PwC).

De acordo com o SBC Notícias, o relatório econômico apontou que as equipes de futebol registraram uma diminuição drástica de seus ganhos desde março do ano passado devido ao agravamento da pandemia. Todavia, a PwC salientou que as reduções salariais impostas aos jogadores e outras ações promovidas pelos times ajudaram a minimizar as perdas.

Ao longo da temporada 2019 / 2020, as receitas das duas principais divisões do futebol espanhol encolheram 366 milhões de dólares, enquanto o prejuízo da atual temporada deve girar em torno de 1,64 bilhão de euros.  

Situação dos clubes da Espanha pode melhorar com retorno dos torcedores aos estádios

Se os torcedores puderam voltar aos estádios, a PwC acredita que as perdas possam ficar na casa dos 825 milhões de euros. Em contrapartida, se as medidas de restrições sociais continuarem no país, o prejuízo dos clubes pode passar de 1 bilhão de euros, ainda mais se os salários retornaram aos padrões normais, conforme o planejado.

Apesar disto, o presidente da La Liga, Javier Tebas, afirmou que o relatório não gera preocupação e que nas próximas duas semanas os times podem alcançar um patamar econômico parecido ao período anterior a pandemia do novo coronavírus.

Ao apontar os segmentos nos quais os times perderam as suas fontes de renda, a PwC identificou que, nos dias de jogos na temporada 2019/2020, as equipes tiveram queda de 17% em relação ao que costumavam faturar. No entanto, o prejuízo em dias de partidas chegou a 71% nesta temporada.

O faturamento com a televisão também encolheu 146 milhões de euros entre as duas temporadas. Em compensação, os patrocínios contabilizaram um aumento de 5%, enquanto a publicidade teve diminuição de 13% em 2021 / 2020 em comparação com 2018 / 2019, já que a campanha de 2019 / 2020 “teve pouco impacto”.

Patrocínios de Casas de Apostas

A proibição do patrocínio por casas de apostas na Espanha acendeu um alerta para a LaLiga por conta do impacto financeiro que a nova lei está trazendo aos clubes. Para tal, a liga espanhola entrou em contato com o governo para tentar reverter a situação.

O novo regulamento, que passou a valer em outubro, inclui que a publicidade a jogos de azar na TV, rádio e outros veículos de mídia de vídeo seja limitada a uma hora por dia entre 1 e 5 da manhã. Há também planos para impor uma proibição geral de uso de marcas em estádios e, principalmente, uniformes.